domingo, 27 de setembro de 2009

Galeria de Arte

Moldura, na vitrine da Cheklist, recém chegada a São Paulo;

"Arara" alternativa, em corner de coleção infantil, de Anne Valerie Hash (na expo Pitti Bimbo, 2009/10, Milão);

ao lado de outros quadros (mesmo sem moldura),o vestido ganha status de obra de arte;

na vitrine vazia (em momento "antes")

e "depois", com nova pintura, para destacar-se do fundo de madeira;

expediente utilizado também no interior da loja de acessórios Danna, de Campo Grande, MS.

  • Molduras são o "entorno" das obras de arte e costumam ser utilizadas para criar um foco de atenção para o produto.
    • * as 3 últimas fotos são de autoria de André Ferreira, vitrinista que também assina o trabalho mostrado.

      2 comentários:

      Jane Marie disse...

      Oi miga, adorei o vestido no meio dos quadros...show!
      Bjs mil.

      Luciene Vieira disse...

      Lindo, né não, Jane? Não lembro de onde tirei, mas a idéia é ótima! E acho que só funciona em loja ou vitrine, onde a renovação das peças é constante. Imagina isso em casa, com o pó correndo solto...

      Postar um comentário